terça-feira, 18 de dezembro de 2012

Encontro explosivo

"Encontro explosivo" é um filme que propõe ao espectador uma estória com muita ação e comédia romântica com ares de espionagem. De fato, dá para se divertir com as inúmeras situações cômicas recheadas de confusão, porém para aqueles que admiram um cinema mais pretensioso, lógico e/ou realista vão rotular esse longa, acertadamente, como um "lixo" caça-níquel de Hollywood.
 
Apesar do fraco roteiro, o que importa mesmo é o carisma dos protagonistas e o humor. Tecnicamente falando, "Encontro explosivo" não decepciona, embora falte a sensação de o espectador sentir a "falta de fôlego" em algumas sequências.
 
As situações cômicas funcionam graças ao trabalho do diretor James Mangold em manipular os clichês do roteiro, fato que deixa o longa mais atraente, como nos momentos em que acompanhamos a ação pelos olhos da mocinha. Claro, a participação dos carismáticos Tom Cruise e Cameron Diaz ajuda a a trama ficar mais engraçada.
 
Falando nos personagens, esse estilo de filme tem um tom um tanto quanto machista das comédias românicas. A virilidade faz parte do humor e do clichê, fórmula clássica que nos remete ao convencionalismo do herói cômico canastrão e da mocinha indefesa e inocente. Contudo, é preciso relevar isso para se divertir, caso contrário, essa mesmice pode não agradar aos mais exigentes.
 
Para aqueles que se interessaram ou gostam desse estilo ‘ação unissex para não se levar a sério’, "Encontro explosivo" me agradou mais que "Caçador de recompensa", entretanto fica para trás quando me lembrei de "Sr. e Sra. Smith" e do clássico "True lies".
 
Encontro explosivo (Knight and Day)
EUA, 2010 - 109 minutos
Ação/Comédia/Romance
Direção: James Mangold
Roteiro: Patrick O'Neill
Elenco: Tom Cruise, Cameron Diaz, Peter Sarsgaard, Marc Blucas, Jordi Mollà, Viola Davis, Paul Dano, Maggie Grace
Cotação: * * *